lentes-de-contato

Há anos que as lentes de contato estéticas ganharam espaço na cultura pop. Seja por meio de filmes, animes (animações japonesas) ou com celebridades como Lady Gaga, as lentes de contato coloridas ajudam a incorporar um visual exótico que virou moda e envolve riscos.

Boa parte destas lentes fazem os olhos parecem maiores cobrindo até um pedaço da esclera, que é a parte branca dos olhos. Esta característica aumenta os riscos de alergias, cicatrizes e infecções, até de cegueira.

É importante saber que os olhos não têm o mesmo tamanho, nem a mesma curvatura, por isso, cada lente deve ser adaptada ao olho do usuário por meio da receita de um profissional especializado. A compra de tal material pela internet ou em lojas especializadas podem trazer riscos por reduzir a quantidade de oxigênio nos olhos, multiplicando assim, os riscos de conjuntivite e edemas.

Outro risco vem por parte da higiene que é menor do que a aplicada para lentes de grau e que têm maior utilização. A ausência de limpeza correta nas lentes de contato colorida ou o armazenamento indevido podem ocasionar em alergias graves e de outras doenças.

No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) não proíbe a venda destas lentes, no entanto, a mesma orienta que todos os fabricantes do produto exibam recomendações sobre o uso e risco dos mesmos nas embalagens.